Domingo, 05 de Dezembro de 2021 14:04
61996377502
Meio Ambiente Meio Ambiente

Preservação Ambiental: hipocrisia ou realidade?

Especialista discute sobre o ativismo ambiental e como a luta é enxergada pela sociedade atual

16/06/2021 08h30
Por: Vítor Tobias
Créditos: Matheus Moraes/DM
Créditos: Matheus Moraes/DM

Estamos chegando ao limite das posições que definem ações e discursos ambientais. De um lado, se manifestam os ambientalistas, do outro, os “salvadores do planeta” e no meio, os oportunistas.

Preservação ambiental e meio ambiente tornaram-se expressões rotineiras nos discursos políticos, assim como no passado, saúde, educação e mais recentemente, a segurança pública. Na prática, o que vemos são serviços básicos absolutamente precários em serviços e, muitas vezes, inexistentes. Quanto ao meio ambiente, o nosso destaque, é alvo permanentemente de maravilhosas intenções, projetos e até de ousadas placas ambientais.

“A cada afirmação do será feito, faremos, vamos realizar e outras expressões, o que deveria ser oferecido sim, a todos, são os resultados de tantas intenções.  Na realidade, o que vemos é consequência da falácia: o início de alguns fantásticos projetos, geralmente perto de eleições, e que nunca foram além dos foguetes, discursos, bandas de música e das máquinas estacionadas.”, explicou o ativista ambiental, Miguel Pereira.

Pesquisas indicam que, passadas as eleições,  a população simplesmente esquece. O que os cidadãos querem são ações que demonstrem a preservação dos recursos hídricos, o combate aos delitos ambientais e um ponto final na favelização orquestrada. 

Para evitar a dependência nas autoridades, confira abaixo algumas dicas para preservar o ambiente em período de pandemia:

1 – Separe o lixo corretamente

Você sabia que o óleo, assim como as pilhas e baterias não devem ser jogados no lixo comum? Eles são tóxicos e, por isso, devem ser separados para a coleta de lixo recolher. Já o lixo orgânico é ideal a fim de se tornar adubo. Separe o lixo úmido do seco, procure reciclar e faça o descarte responsável. Como resultado, você evita lançar tantos resíduos em vão no planeta.

2 – Reduza o consumo de plástico 

Que tal adotar uma caneca, xícara e canudo reutilizável só para você? Usar um copo plástico apenas uma vez e depois disso jogar fora sobrecarrega o planeta com material plástico que demora séculos para se decompor. Do mesmo modo, reaproveite caixas a fim de guardar objetos e recicle o que for possível.  

3 – Economize água 

Tomar banhos curtos e fechar o registro quando se ensaboa, por exemplo, é um bom primeiro passo para economizar água. Na mesma linha, a máquina de lavar roupas também deve ser pouco usada e com todas as roupas sujas de uma vez para não gastar água em vão. Outra boa ideia é usar temporizadores e fazer a manutenção regular de chuveiros e torneiras, evitando o risco de vazamentos.

4 – Economize energia

Abra as janelas e aproveite a ventilação natural para reduzir o consumo do ar-condicionado ou ventilador. Em segundo lugar, sempre desligue os aparelhos eletrônicos da tomada quando não estiver usando. Da mesma forma, geladeira lotada aumenta o consumo. Por isso, só guarde o necessário. Em relação às lâmpadas, escolha as de LED. Elas são mais econômicas, gastando 75% menos energia e possuem a melhor durabilidade.

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias